Regionais de Braga e Lisboa de pista coberta

Não é nada habitual a Associação de Atletismo de Braga ter grandes atrasos na divulgação dos seus resultados. Esta semana tivemos a excepção. Os regionais de pista coberta (na pista de Pombal!), conjuntamente com os de Lisboa, decorreram no dia 23 de dezembro, mas vários dias depois é que vieram “parar” à net!

Ainda partilhámos no Facebook o resultado da juvenil minhota Mariana Machado, do Sporting de Braga, nos 3000 m, onde cortou a meta em 9.27,92, marca que bate por cerca de 15 segundos o anterior recorde de Diana Soares (Ases Valboenses), que vem de 2009. Com este resultado, Mariana conseguiu uma tripla de recordes juvenis de pista coberta em 2017: 800, 1.500 e 3.000 metros.

A filha da internacional e olímpica Albertina Machado, treinada (como tinha acontecido com a sua mãe) por Sameiro Araújo será júnior a partir do próximo dia 1 de Janeiro.

Para além dela, houve alguns destaques, com resultados interessantes no salto com vara, por Diogo Ferreira, do Benfica, que fez 5,30 m, e Marta Onofre, do Sporting, que passou 4,15 m.

Na velocidade, Frederico Curvelo, do Benfica, fez 6,77 segundos nas eliminatórias dos 60 m (recorde pessoal), tendo feito 6,78 na final (!); no lançamento do peso, a sportinguista Jéssica Inchude chegou aos 15,20 e e Adriano Lopes, do Sporting de Braga) aos 14,85; nos 3000 m, outro bracarense, Francisco Rodrigues, terminou com 8.18,05; no triplo-salto, o sportinguista Marcos Caldeira fez 15,17, enquanto na mesma prova feminina, duas juvenis saltaram mais de 11 metros: Mariana Novo, do Sporting, fez 11,63 m, Beatriz Santos, do Sporting de Braga, saltou 11,26 (recorde regional de juvenis); e Nelson Pinto, do Sporting, saltou 2,03 em altura.

Resultados completos na página da Associação de Braga.