Tsanko Arnaudov eleva nível do apuramento

Tsanko Arnaudov (foto SL Benfica / arquivo)

Chegou ao fim o apuramento para os Campeonatos Nacionais de Clubes de Pista Coberta,com duas jornadas dominicais, uma de manhã e outra de tarde. Dezenas de clubes estiveram a jogar os seus trunfos e no final ficou a sensação de que Benfica e Sporting, mesmo sem alguns dos seus expoentes, não deixarão de subir aos dois primeiros lugares do pódio colectivo.

Sporting parece mais forte em femininos, embora o Benfica tenha mostrado que não está assim tão mal, e o Benfica em masculinos parece estar de novo com probabilidades de reconquistar o título.

Com várias provas de bom nível, destaque absoluto para o triunfo de Tsanko Arnaudov no lançamento do peso, com um arremesso de 20,13 metros, a sua terceira marca este ano acima dos 20 metros!

Mas houve mais no apuramento: Frederico Curvelo com 21,69 nos 200 metros, melhor marca do ano; Mauro Pereira, com 48,97 nos 400 m; Vitor Korst, no salto em altura (2,14 m); João Fonseca nos 800 m (1.5277); Danilo Almeida no comprimento (7,22); Hélio Vaz nos 60 m barreiras (8,16); Miguel Carvalho, nos 5000 m marcha (20.29,61); Pedro Pinheiro, no triplo (15,38); Ícaro Miranda, na vara (5,05); e a estafeta de 4x400 m, com 3.19,42.

Fora do Benfica, destaque para Wilson Pedro nos 60 m (6,92); Daniel Gregório, do CA Seia, nos 3000 m (8.24,23).

Cubana do Benfica esteve na altura

Neste apuramento de 2018, em femininos, pelo Benfica, destaques para a brasileira Tamiris de Liz que fez 7,66 nos 600 e 25,36 nos 200 (aqui a perder com Fatoumata Dialo, do CO Pechão, que fez 25,33); a cubana Yaridmis Argueles a fazer 1,72 em altura; Rivinilda Mentai a correr os 400 m em 55,04; e as irmãs Vaz de Carvalho a vencerem as suas provas, Teresa no comprimento (5,91) e Marisa nos 60 m barreiras (8,65).

Fora do Benfica, Carla Mendes, do J. Vidigalense, fez 2.11,92; Cátia Santos, do Estreito, fez 4.33,24, nos 1500 m.

No dia de amanhã, a cumprir-se o que é habitual pela FPA, serão divulgadas as classificações com as equipas que irão para a primeira divisão (os primeiros oito classificados) e a segunda divisão (classificados do 9º ao 16º).