Duelo Évora – Pichardo em Madrid

Pódio dos mundiais de 2015 (foto arquivo IAAF)

O primeiro duelo entre os portugueses Nelson Évora e Pedro Pablo Pichardo não está guardado para o Nacional de Clubes. Não, antes acontecerá no meeting de Madrid, uma dasreuniões que contam para o renovado challenge de pista coberta da federação internacional (IAAF).

A presença de ambos foi hoje confirmada na página da federação espanhola que dá conta dos grandes nomes que se espera venham a competir no novo pavilhão de pista coberta da capital espanhola.

No que diz respeito à prova de triplo-salto, os dois atletas portugueses são os de maior palmarés que encabeçarão um conjunto notável de saltadores, com Nelson Évora a possuir os maiores galões, já que tem o que nenhum outro dos participantes conseguiu até hoje: um título olímpico e um mundial!

Esta será a oitava vez que os dois atletas se defrontam, sendo que o benfiquista soma por vitórias (sete) no embate com o sportinguista.

Os duelos anteriores de Évora e Pichardo

 




Como os Campeonatos de Portugal se realizam em 10 e 11 de Fevereiro, data com outros meetings importantes, ainda não há a certeza da presença de ambos em Pombal, algo que não acontecerá na final da primeira divisão, onde ambos estarão, até porque os seus clubes têm forte necessidade do seu concurso.

Titãs testemunhas do duelo Évora – Pichardo

Voltando à prova espanhola, os portugueses defrontarão os cubanos Andy Diaz (17,40 m) e Cristian Napoles (17,27 m), o espanhol Pablo Torrijos (17,04 m) e o sul-africano Godfrey Mokoena (17,35), vice-campeão olímpico em 2008 no comprimento.

Recorde-se que no final do “challenge”, o atleta com maior número de pontos terá um wild-card para participar no Mundial de pista coberta, algo que poderá estar ao alcance de Pichardo, e que poderá vir a ser uma dor de cabeça para a IAAF, pois se não autorizarem a mudança de nacionalidade de Pichardo (e, já agora, de Yunier Pérez, que se naturalizou espanhol), terá de ser Cuba a aceder à sua participação.

Outros “craques” em Madrid

Emanuel Rolim, nos 1500 metros, é outro português na lista dos participantes, assim como Diogo Ferreira e Susana Costa, contudo estes atletas estão lesionados e não deverão estar em Madrid.

Entre os grandes nomes presentes na prova espanhola, destaca-se a campeão mundial Maria Lasitskene, da Rússia, que este ano já saltou 2,04, e a etíope Genzebe Dibaba, que estará nos 1500 m, ou ainda o polaco Adam Kszczot nos 800 m.