Meeting de Torun não viu o melhor Évora

Nelson Évora a iniciar o concurso em Torun (captura de écran)

Nelson Évora voltou ao circuito de pista coberta de Torun (Polónia), para se classificar em terceiro lugar na prova de triplo-salto, com a marca de 16,80, perdendo para o jovem cubano (19 anos) Cristian Napoles, que fez saltou 16,90, e para outro cubano, mas agora a representar o Azerbeijão, Alexis Copello, que saltou 16,89.

O atleta do Sporting fez um concurso regular (16,59 – nulo – 16,80 – 16,58 – 16,77 – 16,79) mas ainda não conseguiu a primeira vitória desta época (ver outro artigo).

Mas houve outros bons resultados em Torun, que abriu com o lançamento do peso, onde o polaco Konrad Bukowiecki fez um recorde pessoal ao lançar 22,00 metros, deixando para trás o checo Tomas Stanek (21,83), o polaco Michal Haratyk (21.12) e o alemão David Storl (21,03), todos acima dos 21 metros.

Com este resultado, o polaco é o mais novo de sempre a chegar aos 22 metros. Se houvesse, seria recorde mundial de sub23!

Durante as corridas a emoção e o entusiasmo em Torun vieram com os triunfos nos 800 metros dos polacos Adam Kszczot, com 1,46,75, e Angelika Cichocka, com 2.00,76, a que se seguiu uma melhor marca mundial do ano, na vara (5,91), produzida por outro polaco, Piotr Lysek.

36 vitórias consecutivas para Lasitskene

No salto em altura feminino, a russa Marya Lasitskene voltou a passar 2,00 (já o fez quatro vezes este ano), naquela que foi a sua 36ª vitória consecutiva, com a ucraniana Yulia Levchenko a saltar 1,95m.

Nos 1500 m masculinos, assistiu-se a uma emocionante corrida, com 5 décimos a separarem os três primeiros, com o etíope Tolosa Teresa a vencer em 3:37.41, derrotando o favorito Marcin Lewandowski (3:37.67) e o checo Jakub Holusa (3:37.91).

Nas restantes provas em Torun, a alemã Pamela Dutkiewicz bateu o recorde do meeting nos 60 barreiras (7,85); a costa-marfinense Marie-Jose Ta Lou voltou a vencer os 60 metros, agora com (7,11), derrotando a britância Dinas Asher-Smith (7,14); e o eslovaco Jan Volko venceu os 60 metros em convincentes 6.57 segundos.