Um recorde nacional nas provas de preparação da AAL

Edi Maia esteve em evidência nas provas de preparação da AAL (Associação de Atletismo Lisboa)  organizou ontem, passando a fasquia colocada a 5,60 metros no salto com vara, falhando por pouco a passagem dos 5,65 metros, marca que lhe daria o acesso directo aos Europeus de Berlim.

Nestas provas houve alguns lançamentos – e era por aqui que esta peça devia começar, mas o comunicado de resultados na página da AAL omite essas provas – , onde o sportinguista Edujose Lima obteve um recorde nacional sub23 no lançamento do disco, com a marca de 59,09 metros, levando-o a quinto português de sempre na disciplina.

Nas restantes provas masculinas, nos 800 m, triunfo de João Fonseca (Benfica) em 1.51,72 minutos, derrotando por seis centésimos (1.51,78) David Tavares (Ingleses FC); José Tavares, do Benfica, venceu os 400 metros em 49,14 segundos; Pedro Bernardo (J. Vidigalense) ganhou os 200 metros em 22,02 segundos (+0,1 m/s); e André Sá (Benfica) venceu os 400 m barreiras em 53,34 segundos.

Depois, nas provas femininas, a senegalesa do Sporting, Adja Ndiaye, fez 14,09 segundos (v:+0,8 m/s) nos 100 m barreiras; outra sportinguista, Filipa Martins, correu os 400 metros em 55,48 segundos; Cátia Pereira, também do Sporting, saltou 4,10 metros na vara; e Andreia Crespo (Sporting), venceu os 400 m barreiras em 59,66 segundos.