Taças de saltos, velocidade e barreiras com bons resultados

Carlos Nascimento (arquivo)

No segundo dia de provas da Associação de Atletismo de Lisboa, houve bons resultados nas provas de velocidade, com dois atletas, Carlos Nascimento e Lorene Bazolo, a conseguirem já a marca de qualificação para os Campeonatos Europeus de Pista Coberta, que se realizam em Glasgow, de 1 a 3 de março.

Na final dos 60 metros femininos, a sportinguista Lorene Bazolo venceu com a marca de 7,38 segundos, conseguindo assim acessos aos Europeus de pista coberta. Mas os resultados não se ficaram por aqui, pois a brasileira Tamiris de Liz, fez 7,40, e também a jovem belga Delphine Nkansa fez 7,41 (recorde pessoal), ambas do Benfica, enquanto a jovem sportinguista Beatriz Andrade fez 7,50 (também recorde pessoal, 10ª portuguesa de sempre).

Na final dos 60 metros masculinos, foi o momento de Carlos Nascimento. O sportinguista triunfou em 6,69 segundos (mínimos para Glasgow), derrotando André Prazeres, da JOMA (6,76), e Diogo Antunes, do Benfica (6,78), que nas eliminatórias correu em 6,73 (ficando a um centésimo da qualificação para Glasgow).

Nas provas de 60 metros com barreiras, dois triunfos sportinguistas, por Rasul Dabó (7,99 segundos), em masculinos, e Olímpia Barbosa (8,27), em femininos.

Patrícia Mamona com recorde pessoal no comprimento

Na véspera (sábado), o destaque das provas de saltos vai para Patrícia Mamona, que bateu o seu recorde pessoal no salto em comprimento com 6,34 metros. Contudo, o triunfo foi de Yariagnis Arguelles, este ano no Sporting, com 6,36.

Nas restantes provas, notas para Tiago Pereira, Sporting, vencedor do salto em altura com 2,08, à frente dos benfiquistas Francisco Barreto (2,05), do júnior Gonçalo Veloso (2,02) e de Paulo Conceição (2,02).

No triplo, triunfou o sportinguista Carlos Veiga (15,79), à frente dos seus colegas de equipa Tiago Pereira (15,52), Miguel Marques (15,26), Denil Baía (15,18) e Oleksandr Lyashenko (15,05). Na vara, Ícaro Miranda, do Benfica, saltou 5,10.

Nas provas-extra de lançamentos, Edujose Lima (Sporting), fez 55,78 no disco, à frente de Emanuel Sousa, do Benfica (52,30); enquanto no peso feminino, Jéssica Inchude lançou 16,14 metros e Francislaine Serra fez 15,54.