Lisboa apenas com quatro vitórias em Madrid

Ontem realizou-se mais um encontro Madrid – Lisboa, em pista coberta, para atletas sub20 e sub18, com os representantes lisboetas a conseguirem apenas quatro vitórias individuais, curiosamente, uma em cada escalão etário. Valeram alguns resultados individuais e um recorde nacional de iniciados, no salto em comprimento.

Nos sub18 masculinos, destaque para o salto em comprimento, com o iniciado Sisino Ambriz a saltar 6,89, recorde nacional da categoria (o anterior era 6,61, de Fábio Martins). Curiosamente, também no comprimento, André Rangel (sub20), foi segundo com 7,17 metros. Neste escalão, Gonçalo Gonçalves venceu os 60 metros em 7,03 segundos, com Mamadu Jaló a ser segundo com 7,04, mas esteve melhor nas barreiras, com 8,26 segundos (entre o top 20 de sempre).

As vitórias femininas aconteceram no lançamento do peso. Em sub20 (4 kg) triunfou Margarida Ferreira (12,84 metros), e em sub18 (3 kg) a vencedora foi Débora Quaresma (14,21).

De resto, notas para os sub20, Tiago Silva, com 16,10 metros no peso, e Leandro Fevereiro, com 49,63 os 400 metros, em masculinos, e para Catarina Lourenço, 7,72 nos 60 metros.

Os resultados completos podem ser consultados na página da prova.
https://www.atletismomadrid.com/images/stories/ficheros/eventos/resultadosDirecto/8096/index.html