Etíopes dominaram Maratona de Paris marcada pelo caso Calvin

Clemence Calvin no pódio de Berlim

Os atletas etíopes dominaram a edição deste ano da Maratona de Paris, ocupando cinco dos seis lugares do pódio! Calvin bate recorde de França, mas resultado pode ser anulado!

Em masculinos, Abrha Milaw (2:07:05) e Asefa Mangitsu (2:07:25) impediram o terceiro triunfo consecutivo do queniano Paul Lonyangata (2:07:29), que terminou em terceiro lugar, em femininos, as etíopes “encheram” o pódio, com Gelete Burka (2:22:47) a triunfar à frente de Azmera Gebru (2:22:52) e Azmera Abreha (2:23:35).

Depois delas chegou a francesa Clemence Calvin, que terminou em 2:23:41, com um recorde de França (o anterior, de Christelle Daunay, era de 2:24:22, desde 2010)… que pode não valer.

Recorde-se que Calvin está no centro de dois processos jurídico-desportivos: acusada de evitar o controle antidoping e outra de posse de produtos dopantes (embora uma investigação em casa da atleta não tenha produzido resultados), foi temporariamente suspensa na quarta-feira pela Agência Francesa de AntiDopagem, mas o Conselho de Estado suspendeu essa suspensão (passe a redundância) por considerar que a atleta não teve a oportunidade de defender o seu caso.

Assim, Clemence Calvin correu a maratona de Paris, mas o processo continua a correr e ela enfrenta um apena de suspensão por quatro anos e a anulação dos seus resultados.

No final da prova, na zona mista, disse haver “apenas uma pequena minoria de pessoas maliciosas (…) Eu tenho a coragem daqueles que aguentam e que são plantados como a Torre Eiffel. Não tenho medo de nada nem de ninguém”.

Principais resultados em Paris:
Masc. – 1. Abrha Milaw (ETH) 2:07:05; 2. Asefa Mangitsu (ETH) 2:07:25; 3. Paul Lonyangata (KEN) 2:07:29; 4. Morris Gachaga (KEN) 2:07:46; 5. Barselius Kipyego (KEN) 2:07:58; 6. Polat Arikan (TUR) 2:08:14; 7. Yitayal Atnafu (ETH) 2:08:31; 8. Morhad Amdouni (FRA) 2:09:14.
Fem. – 1. Gelete Burka (ETH) 2:22:47; 2. Azmera Gebru (ETH) 2:22:52; 3. Azmera Abreha (ETH) 2:23:35; 4. Clemence Calvin (FRA) 2:23:41; 5. Sally Chepyego (KEN) 2:23:54; 6. Pascalia Kipkoech (KEN) 2:26:05; 7. Zefrie Limeneh (ETH) 2:26:49.

Uma sportinguista no top em Varsóvia

Entretanto realizaram-se outras maratonas, destacando-se a Maratona de Varsóvia, onde competiu a bielorussa do Sporting, Sviatlana Kudzelich, quinta classificada com 2:31:20 horas. O triunfo pertenceu à queniana Sheila Jerotich, que cortou a meta cinco minutos antes da sportinguista (2:26:06, recorde do percurso), enquanto o triunfo masculino pertenceu ao etíope Regasa Mindyae (2:09:42).

Pódios de Varsóvia:
Masc. – 1. Regasa Mindaye Bejiga (Eti), 2:09:42; 2. Ezekial Kemboi Omullo (Qué), 2:09:49; 3. Werkuneh Aboye (Eti), 2:10:42.
Fem. – 1. Sheila Jerotich (Qué), 2:26:06; 2. Antonina Kwambai (Qué), 2:27:43; 3. Nina SAVINA (Bie), 2:29:06.