Notícias curtas de meetings, recordes e portugueses nos EUA

Shelly-Ann Fraser-Pryce (arquivo)

Já começam a surgir meetings ao ar livre e Grenada recebeu muitos velocistas, destacando-se a jamaicana Shelly-Ann Fraser-Price com o triunfo nos 100 metros em 11,20 segundos (v:+0,6). Nos 200 metros masculinos, estavam nomes fortes, mas triunfou o britânico Miguel Francis (20,16, vento: +1,0 m/s), derrotando o canadiano Andre de Grasse (20,20), enquanto Justin Gatlin foi sétimo… com 22,16 segundos!

Nos 100 metros masculinos, triunfo do britânico Adam Gemili (10,11, v:+0,4), nos 110 m barreiras, venceu o jamaicano Andrew Riley (13,49, v:+1,0), e no salto em comprimento triunfou outro jamaicano, Tajay Gayle, com 8,20 metros (v:+0,1).

Nos 800 metros femininos, triunfo da francesa Cynthia Anais co 2:01,96 (recorde do meeting).

Mais resultados AQUI.

Lyu Huihui com recorde asiático do dardo

No Grande Prémio Nacional de Hunagshi (China), a chinesa Lyu Huihui lançou o dardo a 67,72 metros, recorde da Ásia. A medalha de prata nos mundiais de 2015 e bronze em 2017, cumpriu uma série excelente de lançamentos (61.82m, 63.41m, 62.64m, 63.95m, 64.78m), terminando com 67,72 m no último ensaio.

Jessica Barreira e Otoniel Badjana em ação

Nos Estados Unidos, cumpriu-se mais um fim-de-semana de meetings e encontros universitários, com participação de Jessica Barreira em College Station (Texas), sendo quinta no comprimento (12 abril), com 6,13 ventosos (+2,5m/s, 6,02 regulares), e terceira no triplo (13 abril), com 12,81 metros (v: +4,2 m/s).

Entretanto, em San Diego (12 e 13 de abril), Otoniel Badjana foi segundo no lançamento do peso, com 16,04 metros, e fez quatro nulos no disco, não marcando.