As qualificações de Rolim e Rosário para Glasgow 2019 e o recorde de Mariana

Paulo Rosário (foto RFEA, arquivo)

Com milhares de quilómetros entre os dois, mas sensivelmente à mesma hora, Emanuel Rolim e Paulo Rosário conseguiram a marca de qualificação para os Europeus de Pista Coberta de Glasgow 2019.

O atleta do Benfica aproveitou o excelente “comboio” da prova de 1500 metros Meeting de Torun (Polónia), que faz parte do Circuito da IAAF, passou por algumas dificuldades, mas conseguiu ainda terminar em 7º lugar com a marca de 3.43,38 minutos, numa prova em que o vencedor foi o campeão mundial de pista coberta, o etíope Samuel Tefera, com 3.35,57 (recorde pessoal e melhor marca mundial do ano), derrotando o polaco Marcin Lewandowski, que fez 3.36,50, recorde nacional da Polónia.

Nas restantes provas, destaque para o triunfo de Orlando Ortega, de Espanha, nos 60 metros barreiras (7,49 segundos), igualando a melhor marca mundial do ano (quinta vitória em cinco provas!); para o triunfo da líder mundial do ano nos 60 metros, a polaca Ewa Swoboda, com 7,15 segundos, à frente da vice-campeã mundial de 100 e 200 metros, a costa-marfinense Marie Josée Ta Lou (7,16 segundos); o despique nos 800 metros, com a etíope Habitu Alemu, (1.59,49 minutos) a derrotar a britânica Laura Muir (1.59,50m).

A tarde gloriosa de Sabadell

Na Catalunha, no meeting da região, realizado em Sabadell (Barcelona), o sportinguista Paulo Rosário também se qualificou para os Europeus e “roubou” a liderança anual ao benfiquista, ao correr os 1500 metros em 3.43,37 minutos (sétimo classificado), numa prova em que o vencedor foi o espanhol Kevin Lopez (3.41,90m).

Mas a noite ainda estava para brilhar e numa corrida de 1.500 metros, com um ritmo diabólico imposto pela recordista mundial, a etíope Genzebe Dibaba, que venceu com o tempo de 3.59,08 minutos, a júnior Mariana Machado, do Sporting de Braga, terminou em 10º lugar, com a marca de 4.22,01 minutos, um recorde nacional de juniores, que supera em mais de dois segundos o anterior máximo (4.24,4), que pertencia a Fernanda Ribeiro, desde 19 de março de 1988! Um recorde que durava há mais de 30 anos!

No mesmo meeting, a sportinguista Yariadmis Argueles venceu o salto em comprimento com a marca de 6,06 metros, enquanto Shaina Mags, do Sporting de Braga, foi terceira com a marca de 5,79 metros.

Os qualificados para Glasgow 2019

A escassos dois dias dos Campeonatos de Portugal, são oito os atletas que obtiveram marcas de qualificação para os Campeonatos Europeus de Glasgow 2019, que terão lugar entre 1 e 3 de março.

Vejamos o quadro dos que obtiveram qualificação, e nas notas os que estão mais perto (mas há alguns, que estando mais longe, têm valor para chegar à qualificação):

Masculinos Masculinos Masculinos Masculinos Masculinos
Prova qualificação Atleta Clube Marca
60 m 6,72 Carlos Nascimento SCP 6,69
1500 m 3.44,50 Paulo Rosário SCP 3.43,37
Emanuel Rolim SLB 3.43,38
Triplo 16,50 Nelson Évora SCP 16,61
Peso 20,15 Tsanko Arnaudov SLB 20,21
Notas: Notas: Notas: Notas: Notas:
1) Raidel Acea (SLB), sendo português, obteve marca de qualificação nos 400 metros (47,02), contudo não tem ainda decisão para representar Portugal em grandes competições 1) Raidel Acea (SLB), sendo português, obteve marca de qualificação nos 400 metros (47,02), contudo não tem ainda decisão para representar Portugal em grandes competições 1) Raidel Acea (SLB), sendo português, obteve marca de qualificação nos 400 metros (47,02), contudo não tem ainda decisão para representar Portugal em grandes competições 1) Raidel Acea (SLB), sendo português, obteve marca de qualificação nos 400 metros (47,02), contudo não tem ainda decisão para representar Portugal em grandes competições 1) Raidel Acea (SLB), sendo português, obteve marca de qualificação nos 400 metros (47,02), contudo não tem ainda decisão para representar Portugal em grandes competições
2) Estão perto dos mínimos: nos 60 metros, Diogo Antunes (6,73) e Ancuain Lopes (6,74); nos 400 metros, Ricardo dos Santos (47,82, mínimo – 47,30); no comprimento, Ivo Tavares (7,79 para 7,95); no peso, Francisco Belo (19,84, para 20,15) 2) Estão perto dos mínimos: nos 60 metros, Diogo Antunes (6,73) e Ancuain Lopes (6,74); nos 400 metros, Ricardo dos Santos (47,82, mínimo – 47,30); no comprimento, Ivo Tavares (7,79 para 7,95); no peso, Francisco Belo (19,84, para 20,15) 2) Estão perto dos mínimos: nos 60 metros, Diogo Antunes (6,73) e Ancuain Lopes (6,74); nos 400 metros, Ricardo dos Santos (47,82, mínimo – 47,30); no comprimento, Ivo Tavares (7,79 para 7,95); no peso, Francisco Belo (19,84, para 20,15) 2) Estão perto dos mínimos: nos 60 metros, Diogo Antunes (6,73) e Ancuain Lopes (6,74); nos 400 metros, Ricardo dos Santos (47,82, mínimo – 47,30); no comprimento, Ivo Tavares (7,79 para 7,95); no peso, Francisco Belo (19,84, para 20,15) 2) Estão perto dos mínimos: nos 60 metros, Diogo Antunes (6,73) e Ancuain Lopes (6,74); nos 400 metros, Ricardo dos Santos (47,82, mínimo – 47,30); no comprimento, Ivo Tavares (7,79 para 7,95); no peso, Francisco Belo (19,84, para 20,15)
Femininos Femininos Femininos Femininos Femininos
Femininos
Prova qualificação Atleta Clube Marca
60 m 7,38 Lorene Bazolo SCP 7,34
Triplo 13,85 Patrícia Mamona SCP 14,36
Susana Costa AFR 13,89
Notas: Notas: Notas: Notas: Notas:
1) Estão perto dos mínimos: nos 400 metros, Cátia Azevedo (53,63, mínimo – 53,60); nos 60 m barreiras – Olímpia Barbosa (8,27, para 8,20); no comprimento, Evelise Veiga (6,40 para 6,50) 1) Estão perto dos mínimos: nos 400 metros, Cátia Azevedo (53,63, mínimo – 53,60); nos 60 m barreiras – Olímpia Barbosa (8,27, para 8,20); no comprimento, Evelise Veiga (6,40 para 6,50) 1) Estão perto dos mínimos: nos 400 metros, Cátia Azevedo (53,63, mínimo – 53,60); nos 60 m barreiras – Olímpia Barbosa (8,27, para 8,20); no comprimento, Evelise Veiga (6,40 para 6,50) 1) Estão perto dos mínimos: nos 400 metros, Cátia Azevedo (53,63, mínimo – 53,60); nos 60 m barreiras – Olímpia Barbosa (8,27, para 8,20); no comprimento, Evelise Veiga (6,40 para 6,50) 1) Estão perto dos mínimos: nos 400 metros, Cátia Azevedo (53,63, mínimo – 53,60); nos 60 m barreiras – Olímpia Barbosa (8,27, para 8,20); no comprimento, Evelise Veiga (6,40 para 6,50)